Liderando em tempos de trabalho remoto

Profissionais que já estão acostumados a realizar trabalho remoto sabem que o modelo de home office é tão produtivo quanto o presencial.

Mas no momento atual estamos vivendo uma experiência diferente do dia a dia comum. Trabalhar em regime de isolamento é uma situação mais delicada e que exige mais das equipes e, principalmente, das lideranças.

Em primeiro lugar, gestores e lideranças precisam de sensibilidade e cuidado para perceber as diferenças entre o home office e o isolamento “obrigatório”.

Isolamento não é home office

No caso do home office, o colaborador vai trabalhar em casa por opção. Neste caso, pode estar em um café, cowork ou qualquer ambiente onde possa realizar as suas atividades de forma profissional.

Na situação provocada pela pandemia que estamos vivendo, em muitos casos o funcionário está confinado com toda a família. Precisa dar atenção aos filhos, à rotina do lar e vive um momento de pressão e tensão coletiva.

Percebida esta diferença, a gestão e as lideranças precisam também se adaptar e criar mecanismos para oferecer uma atuação eficiente às suas equipes. Separamos algumas dicas que podem ser úteis: 

O momento é de incerteza e adaptação

Até mesmo profissionais que já trabalham remotamente serão impactados. Aqueles que estão vivenciando a experiência pela primeira vez, precisarão de um certo tempo para se adaptarem e se tornarem produtivos. Seja paciente e flexível.

O período de adaptação também serve para você, que é líder e está coordenando equipes à distância pela primeira vez. 

Reflita sobre as suas habilidades de liderança

Passar por este momento vai exigir que as lideranças utilizem todo o seu repertório de gestão. Será necessário manter o foco, ter senso de prioridade, total capacidade de gerenciamento do tempo, trabalhar para manter as equipes motivadas e, ainda, ficar de olho nas metas estratégicas da organização.

Mais do que nunca, este é o momento para que líderes sejam uma inspiração para seus colaboradores e façam parte das equipes de forma genuína. 

Convívio diário fará falta

Sua empresa se esforçou para criar um clima organizacional e uma estrutura que envolvesse os colaboradores em um ambiente mais produtivo. Este ambiente fará falta e pode gerar dificuldades de adaptação.

Neste momento, uma boa iniciativa é compartilhar informações sobre o que você, que também é um colaborador, está fazendo para se adaptar. Procure ouvir queixas com atenção, ofereça soluções e compartilhe boas experiências. A mensagem é “estamos todos no mesmo barco”.

Fique atento a sinais e comportamentos que podem indicar desconforto psicológico ou estarem relacionados a questões de saúde mental. Ofereça ajuda.  

Conecte o time com pequenas reuniões e informação

Como líder, você tem acesso a informações importantes sobre o andamento da empresa. Compartilhe essa informação de maneira estratégica para dar clareza à situação do negócio e dos próprios colaboradores. Essa é uma medida importante que pode contribuir para reduzir a tensão.

Em metodologias ágeis são comuns as reuniões diárias realizadas para  avaliar ciclos curtos de atividades e planejar o próximo ciclo. Este é um modelo interessante, bastante comum em equipes de desenvolvimento de software, que faz ainda mais sentido agora.   

Engajamento virtual

Áudios e vídeos curtos, fotos e encontros virtuais em salas de reunião são uma ótima pedida para trazer todo mundo para mais perto. Além disso, um conteúdo menos denso vai tornar a comunicação mais leve e contribuir muito para o sentimento de pertencimento ao time. 

A Internet vai cair

Você conhece as operadoras e sabe que problemas técnicos de conexão vão atrapalhar. Seja paciente e não se estresse demais com isso. Nessas horas a melhor coisa a se fazer é ler um bom livro.

Conte com a RHOPEN

Criamos um canal para que gestores de Recursos Humanos e líderes de equipes possam encaminhar suas dúvidas e contar com o nosso apoio. As questões enviadas serão debatidas por um comitê técnico de crise e respondidas em seguida.

Respostas

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *